Até agosto, a Estação de General Torres terá novos acessos

  • by
Ministro Pedro Marques visitou as obras no terreno

“Este é um dia muito importante para nós. Apesar de a obra ter impacto na vida das pessoas, terá ainda mais impacto qualitativo quando estiver concluída. A plataforma intermodal é importantíssima, bem como a melhoria de passagens, acessos e segurança”. Foi desta forma que Pedro Marques, ministro do Planeamento e Infraestruturas, numa visita ao local, descreveu as obras de requalificação da estação de comboios de General Torres, cuja conclusão está prevista para o próximo mês de Agosto.

Esta empreitada resulta de um acordo de cooperação entre a Infraestruturas de Portugal (IP), a Câmara Municipal de Gaia e a Metro do Porto. A obra foi adjudicada ao consórcio Conduril Engenharia SA/ Pinto & Cruz, SA, pelo valor de cerca de 480 mil euros, sendo 290 mil euros custeados em partes iguais pela autarquia e pela Metro do Porto, e o restante valor pela Infraestruturas de Portugal.

A intervenção resultará na instalação de escadas convencionais para acesso direto entre as plataformas de passageiros e a Rua de Jau, bem como de dois elevadores, servindo ambas as plataformas e os dois pisos do parque de estacionamento. Para Eduardo Vítor Rodrigues, presidente da Câmara Municipal de Gaia, “esta é uma obra aparentemente pequena mas com muito significado”.

Com esta intervenção estarão, assim, garantidos acessos pedonais mais cómodos a todos os utentes, acessibilidade plena à estação (nomeadamente para pessoas com mobilidade condicionada), melhorando, ainda, o interface da estação com a linha amarela do Metro do Porto e potenciando a utilização do transporte público ferroviário.